Príncipe

Olá pessoas!

Finde lotado de eventos de pessoas queridas e um deles foi o batizado do netinho mais novo do marido, nosso príncipe Murilo! O Murilo foi muito esperado e sonhado, chegou este ano, e a impressão que tenho é que o presente foi maior e melhor que o pedido feito pelos pais à cegonha. Se existe a personificação da palavra DELÍCIA, é  ele.

Seguem alguns instantes que tive o prazer de fotografar e presentear a família com a recordação eterna deste dia importante…

20140801_132321

20140801_132547Depois de toda a formalidade e da sessão interminável de fotos, beijos e poses, o bebê foi pro ninho com os pais e curtiu de montão a naninha que fiz especialmente pra ele. Do filme preferido da mãe, Toy Story, saiu a minha versão em travesseirinho do Xerife Woody, Woody é o brinquedo favorito de Andy no filme, com um lugar favorito na cama, é o líder dos brinquedos no quarto de Andy … e assim imaginei em cada ponto costurado com carinho que seria a relação entre o Murilo e seu xerife…

murilo e naninhaMais do meu Xerife Woody…

naninha woodyMurilo o Woody é um companheiro fiel e destemido, não o abandone, pois ele nunca deixa um amigo para trás!

20140801_132151Palmas para nosso príncipe, ele merece!

Beijo no coração de seus pais Jô e Jeff que me autorizaram fotos do delícia…

Anúncios

Não dá pra esperar…

Olá pessoas queridas!

Dia desses no mercado encontrei essa novidade, quer dizer, novidade pra mim que quase nunca compro leite condensado, agora numa lata abre fácil! E que não corta o dedo na hora da lambida final, uau… a lata ficou mais magra e mais alta. Daí comprei com a desculpa de que era bonita…

pap da copa (2)-002 Resolvi de última hora que depois do jogo de hoje vamos comer canjica com os chegados… e que as três latinhas não vão para o lixo! Então ainda dá tempo de fazer um gracejo rapidex e sem compromisso!

pap da copa (3)-001Elas vão para a mesa junto com a canjica…

Então junta um pedacinho de tecido + fita de cetim + vela e vamos…

pap da copa (4)-001Lata vazia e limpa, envolve com o tecidinho…

pap da copa (5)-001Corta, passa a fita em volta e dá um laço…

pap da copa (6)-001Coloca metade da vela no fundo da lata presa com a própria parafina.

pap da copa (11)-001Ascende e tudo vira festa…

pap da copa (19)-001E a canjica ficou assim… pronta pra receber.

Comidinha do todo dia com graça e um pouco de amor…

pap da copa (15)-001

pap da copa (22)-001Ah!… A canjica daqui de casa é amarela pra combinar com a seleção e o caldo moreno é por causa do açúcar queimado que deixo pegar no fundo da panela pra dar uma vontade de quero mais…

pap da copa (32)-001Pra não dizer que não falei das flores… mesmo permanente ela também vai pra mesa no vidro do leite de coco.

pap da copa (34)-001E assim vamos, deixei todas as dores de cabeça pra lá, deixei a roupa pra lavar depois, deixei a tristeza de lado porque a vida é curta demais pra esperar o brigadeiro a canjica esfriar!

Beijo da Dani…

Nos cantos do coração

Olá pessoas queridas!

Semanas atrás estive com minha família, nas terras das Gerais, lá é onde meu coração está. Na minha casa de lá, na casa da minha mãe, aquela que é sempre nossa não importa a quanto tempo saímos dela. Lá  realmente é  onde canta o sabiá, as aves que aqui gorjeiam não gorjeiam como lá, cada canto do meu coração uma emoção diferente…

Estive com pessoas queridas, levei carinho e trouxe tambem!

nos cantos do coraçãoLá, onde as crianças são livres, fizeram de um tudo, como dizem muitos que conheço.

nos cantos do coração

nos cantos do coração

nos cantos do coraçãoLá, tive dias felizes com a minha mãe e com seu imenso prazer em nos receber. Lá, tive momentos de muitas saudades…

nos cantos do coraçãoReencontrei o canto dele como se ele ainda estivesse lá, com um canto do meu coração apertado, fotografei cada detalhe que sempre foi cuidado com muito apreço.

nos cantos do coração

nos cantos do coração

nos cantos do coraçãoTudo organizado a espera do dono.

nos cantos do coraçãoMas a vida nos mostra que embora tantas perdas nos levem a chorar, a natureza ainda assim nos contempla com sua exuberância e nos dá o presente que um dia seus braços fortes plantaram, e esses apesar das saudades, nos fazem sorrir…

nos cantos do coração

nos cantos do coraçãoViagem difícil, longa e dolorida. Os cantos do meu coração viajaram mais longe que meu corpo.

Trouxe o presente que ganhei do meu pai, mas que ele não teve tempo de me entregar…

Toquei suas medalhas de campeão, com um outro toque.

Revi fotos de ontém, com outros olhos.

Escutei as histórias de sempre, mas com outros ouvidos.

Senti o cheiro das roupas usadas e elas tinham cheiro de saudade, uma saudades que abraça meu coração com um certo orgulho de ter em mim um pouco dele.

nos cantos do coraçãoEssa foto de cima tem um ano, foi a primeira vez que minha filha subiu e se pendurou numa árvore, tudo sempre com ele…

nos cantos do coraçãoEsse ano ela subiu e se pendurou sozinha, porque ela é pantaneira, como dizia ele!

Doce colorido

Quando voce junta uma cozinheira habilidosa, mel, acúcar, mais um punhado de sabores e cores, não tem como não trazer sorrisos e risadas pra dentro de casa.
 
IMG_0151-001
Minha vida ficou sem o viço e o colorido de antes e por mais que eu dê um passo pra frente, sinto de ando dois pra trás. Independente de mim, sei o quanto estava e ainda estou devendo aos meus filhos a mãe de sempre, então reservei o dia de ontém e hoje para colorirmos um pouco nossas vidas com O MELHOR BISCOITO DO MUNDO, receita dividida pela Lu Gastal que agora faz parte da minha família.
 
IMG_0146-001
Então foi assim…
IMG_0145-001
Um monte de louça pra lavar e…
IMG_0153-001
Sorrisinhos embutidos ao ver sua obra de arte secando…
IMG_0156-001
Fizemos nós duas, o filho foi trabalhar com o pai…
IMG_0158-001
Mas quando chegou tambem decorou e lambeu quase todo o glacê, rsrsrs…
IMG_0173-001
IMG_0170-001
Posamos para as fotos, comemos, sorrimos, escrevemos coisinhas do coração nos biscoitos de gengibre e fomos felizes…
IMG_0179-001
Momentos felizes que consegui proporcionar aos meus filhos… apesar das dores, os amores sempre nos move a buscarmos um lugar melhor e esse lugar melhor está dentro de nós mesmos, basta a gente enxergar!
Preparamos também uma marmita pra uma pessoa especial que me mostra todos os dias que não importa o que nos aconteceu, como e quando, uma coisa muito maior nos une e isso não muda independente das circunstâncias que vivemos. 
Te dedico esses biscoitos!
 
IMG_0163-001
Que o colorido, o doce e a comunhão nos traga um pouco de alegria no coração… 
Que o opaco volte a se colorir, que o amargo da minha boca volte a ser doce…
Que os dias que passam levem minha tristeza e me tragam a leveza que tanto peço…
Que o meu pesar não me torne alheia a mim e aos meus…
Que as lembranças que eu deixo sejam tão doces quanto as que eu levo…
Que todo o bem querer que desejamos ao próximo nos retorne…
Amém.
 
 
 

Aprendizados Doídos…

 

Depois de algum tempo você aprende a diferença, a sutil diferença entre dar a mão e acorrentar uma alma. E você aprende que amar não significa apoiar-se, e que a companhia nem sempre significa segurança.
 
E começa a aprender que beijos não são contratos, e presentes não são promessas. E começa a aceitar suas derrotas de cabeça erguida e olhos adiante, com a graça de um adulto e não com a tristeza de uma criança.
 
E aprende a construir todas as suas estradas no hoje, porque o terreno do amanhã é incerto demais para os planos, e o futuro tem o costume de cair em meio ao vão.
 
Depois de algum tempo você aprende que o sol queima se ficar exposto por muito tempo. E aprende que independente do quanto você se importe, algumas pessoas simplesmente não se importam…
 
E aceita que não importa quão boa seja uma pessoa, ela vai ferí-la de vez em quando e você precisa perdoá-la por isso. Aprende que falar pode aliviar dores emocionais. Descobre que leva-se anos para construir confiança e apenas segundos para destruí-la, e que você pode fazer coisas em um instante, das quais se arrependerá pelo resto da vida.
 
Aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer mesmo a longas distâncias e o que importa não é o que você tem da vida, mas quem você tem da vida. E que bons amigos são a família que nos permitiram escolher.
 
Aprende que não temos que mudar de amigos se compreendermos que os amigos mudam, e percebe que seu melhor amigo e você podem fazer qualquer coisa, ou nada, e terem bons momentos juntos.
Descobre que pessoas com quem você mais se importa na vida são tomadas de você muito depressa, por isso, sempre devemos deixar as pessoas que amamos com palavras amorosas, pode ser a última vez que as vejamos.
Aprende que as circunstâncias e os ambientes têm influência sobre nós, mas somos responsáveis por nos mesmos.
Começa a aprender que não se deve comparar com os outros, mas com o melhor que pode ser. Descobre que se leva muito tempo para se tornar a pessoa que quer ser, e que o tempo é curto. Aprende que não importa onde já chegou, mas onde está indo, pois se você não sabe para onde está indo, qualquer lugar serve.
Aprende que, ou você controla seus atos ou eles o controlarão, e que ser flexível não significa ser fraco ou não ter personalidade, pois não importa quão delicada e frágil seja a situação, sempre existem dois lados.
Aprende que os heróis são pessoas que fizeram o que era necessário fazer, enfrentando as consequências. Aprende que paciência requer muita prática. Descobre que algumas vezes, a pessoa que você espera que o chute quando você cai, é uma das poucas que o ajudam a levantar-se.
Aprende que maturidade tem mais a ver com os tipos de experiências que se teve e o que se aprendeu com elas, do que com quantos aniversários você celebrou. Aprende que há dos seus pais em você mais do que você supunha.
Aprende que nunca se deve dizer a uma criança que sonhos são bobagens, poucas coisas são tão humilhantes e seria uma tragédia se ela acreditasse nisso.
Aprende que quando você está com raiva, tem o direito de estar com raiva, mas isso não te dá o direito de ser cruel. Descobre que só porque alguém não o ama do jeito que você quer que ame, não significa que esse alguém não o ama com tudo o que pode, pois existem pessoas que nos amam, mas simplesmente não sabem como demonstrar ou viver isso.
Aprende que não é suficiente ser perdoado por alguém, algumas vezes você tem que aprender a perdoar-se a si mesmo. Aprende que com a mesma severidade com que julga, você será em algum momento condenado.
Aprende que não importa em quantos pedaços seu coração foi partido, o mundo não pára para que você o concerte. Aprende que o tempo não é algo que possa voltar  atrás. Portanto, plante seu jardim e decore sua alma, ao invés de esperar que alguém lhe traga flores.
E você aprende que realmente pode suportar…que realmente é forte, e que pode ir muito mais longe depois de pensar que não pode mais. E que realmente a vida tem valor e que você tem valor diante da vida.  (W.Shakespeare)
Todos aprendemos na pancada, às vezes é preciso bater a cabeça na parede pra saber que ela é dura, aprender dói e viver essa dor é para poucos fortes sobreviventes. Aprendi e aprendo todos os dias sobre a arte de viver, passei a agradecer à Deus todos os dias quando abro o olho pela manhã e vejo a luz do sol. Obrigada também a todos que me ajudam a vencer a luta todos os dias, nesses dias mais difíceis.
O luto é a luta para esvaziar os olhos cheios de lágrimas, gota a gota até sobrar no fundo, a saudade.
O luto é a luta para encher-se aos poucos da alegria dos rostos que te sorriem em vida.
Luta é vencer o luto ao ver o colorido das pessoas, refletidas nas doces lembranças de quem vai, em quem fica…
 
IMG_0199-001 IMG_0202-001
 
L0V£ Dani

E agora, quem poderá me defender?

Noite dessas escrevi no meu caderninho de anotações algumas coisas sobre as quais não tenho tido direito de falar ou expressar como realmente gostaria, aliás quando se é mãe não se tem o direito a muitas coisas como por exemplo, se calar a cada pergunta esquisita, ficar o dia todo chorando na cama, ficar doente ou ao menos ficar de calundú mesmo.
 
Daí, além da agenda pessoal adotei esse caderninho extra para anotações, de uns tempos pra cá a vida tem requerido mais de mim e a cabeça tá fraca pra tanta obrigação… Meu fiel escudeiro, guardador da minhas dores mais profundas.

63706_609039435798044_1505523643_n-001

Felizmente os dias tem passado, trazido e levado muitos acontecimentos, e eu, infelizmente tenho estado no automático, fazendo tudo do mesmo jeito, como diz a música “Todo dia ela faz tudo sempre igual…” Ligo o botão da vida e a assisto diante dos meus olhos, simplesmente alheia.

 
Quase sessenta dias se passaram que perdi meu pai e ainda não tem um dia que ao deitar e levantar eu pense que nada disso pode ser verdade… Às vezes penso que a não aceitação faz parte do luto e que o luto é assim mesmo, tem fases a ser vividas e respeitadas.
 
Mas naquele dia, naquele exato momento que que engavetamos nossos sonhos, nossos planos, nossos amores… naquele minuto em que a hora parou, diante daquela gaveta sendo cimentada, pensei… e agora? Não soube a resposta e não a sei até agora! Vi todos retomarem suas vidas, seus lares, suas famílias, suas rotinas, somente eu e alguns gatos pingados metralados ficamos sem saber nem quem éramos, quanto mais o que faríamos dali pra frente.
 
Fui trazida à realidade no soco, tive que enfiar minha viola no saco e aceitar minha rotina como um fardo duro de carregar, há mil quilômetros de mim deixei meu coração e aqui estou, não quero passar a vida lamentando minha sorte, mas não dá pra ser como antes, não consigo sair do automático, não consigo segurar meu foguete pela cauda e acertar o prumo da vida.

Dias atrás foram sobrecarregados de eventos escolares das crianças; viagem de formatura da filha, festa de encerramento do filho, festa de encerramento da filha, formatura da filha, e não faltamos a nenhum! Músicas, danças, despedidas, descobertas, premiações e fotos e mais fotos, como que no red carpet, espero que o mix felicidade + tristeza não tenha saído nas fotos.

Formaturas são sempre importantes, lembro que em todas as minhas a família estava sempre presente, meu pai me aplaudia de pé e gritava alto meu nome no meio de todo mundo, confesso que sentia um pouco de vergonha misturada com orgulho, teve uma em especial que levei um banho de champanhe que ele estourou em minha homenagem, me senti o próprio Ayrton no podium! Não estourei nem uma tubaína pra minha filha, embora ela merecesse, foi uma comemoração recheada de emoções, mas um dia ela entenderá meu esforço.

A vida corre e me engole na rotina nossa de cada dia, e para emendar os fatos das semana, o cabo da minha panelinha quebrou, o pitoco da tampa de outra soltou, todos os meus varais despencaram, e agora? Esse não é o real problema, e não era mesmo, só me faz pensar em como tudo será diferente daqui pra frente, até nos detalhes! Mas agora passo a pensar, pra quem vou contar sobre o anel viário que estão construindo aqui perto de casa? Quem quer saber se a rua agora é mão única? Que as casas sobrepostas de frente da minha foram todas vendidas por uma fortuna? Com quem vou planejar ligar pra polícia por causa de um carro suspeito na minha calçada?

Com quem vou rir sobre ter ido a duzentos anos atrás à locadora de videos procurar o filme Totoon, que na verdade chamava Platoon, mas a gente não lembrava? Rir das burrices dos sabidos, das dele, das minhas, das que contamos só depois de anos e das que não contamos de jeito nenhum?

E agora, quem poderá me defender?

PS.: Desculpe… estou triste!
Não consigo fazer coisas alegres, alegrar minha vida, não consigo cozinhar uma comida gostosa e diferente, não consigo costurar.
Não consigo fotografar bonito coisas feias, não sei mais jogar video game com meu filho, não consigo assistir um filme inteiro.
Não consigo ficar sem chorar o fim de semana todo, não consigo enfeitar minha casa.
Não consigo voltar para a aula de dança, não consigo comprar flores, não consigo tomar café sozinha…
Não consigo me sentir feliz, não consigo ser eu!

Eu te amo!

Sempre achei tão simples dizer “Até logo”, sempre achei tão simples dizer “Seja forte”, mas quando se sente na pele essa dor, realmente se torna tão difícil aceitar as quedas da nossa vida.
Eu queria ter a força que sempre falei para os outros terem…
Hoje vivo os dias que nunca planejei, os dias que nunca achei que iriam chegar…
Sem sentido, perdida, procurando uma resposta, uma luz, um abrigo, por favor me diz que é mentira?…

Encontro o conforto no travesseiro que me espera todas as noites depois de um longo dia superado, porem o amanhã é um desafio muito maior que minhas forças podem aguentar.
Nunca pensei que isso pudesse acontecer, não que eu o imaginava eterno, de modo algum, é que ao pensar nas dificuldades, na violência, nas adversidades da vida e tudo de ruim que pudesse acontecer comigo, mesmo assim me achava forte, porque eu tinha meu pai, ele me ajudaria, ele estaria comigo ao meu lado em qualquer situação. Ai pai você é o meu bem precioso, meu porto seguro, as respostas para todas as minhas questões. 
Ele me respondia sobre tudo, me ensinava sobre tudo, me guiava nesta louca estrada da vida…

Hoje eu posso dizer que tive a oportunidade de dizer para o meu pai “Eu te amo”. 
Descobri que dois bicudos não se beijam mas se amam e se amam muito.
Nunca ninguém diz pra você que hoje é o último beijo, o último abraço, o último Eu te amo. Ninguém me disse que era a última vez…mas por incrível e inesperadamente que pareça, a última vez que nossos olhos se cruzaram, nós nos abraçamos, nos dissemos coisas do coração e principalmente Eu te amo, ele disse que me amava, se despediu e foi embora da minha casa, cinco dias depois ele foi embora das nossas vidas sem se despedir…

Velei meu pai na sua sala de receber visitas, aquela que um dia ele mesmo construiu, quando seguimos o cortejo fúnebre, parecia que eu estava dentro de um filme triste, tudo passava em câmera lenta, tudo ficou opaco, acho que meu olho perdeu o brilho, sentia meu peito se abrindo e todas as minhas costelas se quebrando com aquela dor que entrava feito um punhal no meu coração.
Ainda não sei como vai ser, estamos sobrevivendo a cada dia … basta cada dia a sua dor.
As tristezas se misturam com as boas lembranças que voltam a se misturar com a saudade dele, espero que um dia tudo se acalme nos nossos corações, apenas espero, ainda não acredito!

Se você tem seu pai, diz pra ele Eu te amo. 
Pega o telefone e liga se ele morar longe, dá um pulinho na casa dele se ele morar perto, vai agora se ele estiver na sala, vai … não se envergonhe, esqueça as desavenças, os desentendimentos, as bobagens ou as bobagens sérias que vocês já se disseram, amanhã pode ser tarde e não dar tempo de abrir seu coração, não deixe a vida passar e levar seu paizinho sem o seu Eu te amo. 

Os pais erram, hoje eu sou mãe e sei o quanto erramos, mesmo tentando fazer o melhor. Pais são injustos, são opressores, são severos, são ditadores, chatos, antiquados, politicamente corretos ou incorretos, eles são tudo aquilo que não queremos ser, mas um dia, como que num passe de mágica nos tornamos exatamente a sua semelhança.
Foi assim comigo e é assim todos os dias, me pego pensando alto, falando e agindo como ele…

Ah… você foi toda a felicidade
Você foi a maldade que só me fez bem
Você foi o melhor dos meus planos
E o maior dos enganos que eu pude fazer
Das lembranças que eu trago da vida
Você é a saudade que eu gosto de ter
Só assim sinto você bem perto de mim
Outra vez.


Meu pai, meu primeiro amor!